Cia Filhos da Lua comemora 40 anos de histórias com temporada de espetáculos de graça – Criança na Plateia

Números incríveis cercam uma das companhias de teatro mais expoentes do Paraná: 40 anos de atuação; mais de 30 produções. E para comemorar, o público terá oportunidade de assistir alguns espetáculos com ingressos de graça. Estamos falando da Cia Filhos da Lua.

Para iniciar a festa, neste final de semana tem A Menina e o Lampião, estrelado por Candiê Marques e Doriane Conceição. O casal faz uma narrativa sobre uma difícil e divertida missão. Mirandolina tem medo do escuro, então ela sempre recorre ao lampião que por sua vez, iluminou tantas pessoas que se tornou foi um bom contador de histórias. Tudo encenado com música, bonecos e personagens inanimados. É sábado e domingo, 17 e 18 de agosto, às 16h, no Guairinha.

A partir daí, a programação é intensa. Sob o comando de Renato Perré, a Filhos da Lua tem um expoente trabalho que transformou a integração do teatro de bonecos com o teatro da figura humana. Muitas pinceladas de música, dança, artes visuais e literatura marcam seus espetáculos. O resultado não poderia ser outro, é uma companhia que que conversa com todas as idades, que explora sobretudo a cultura popular brasileira, que conecta crianças e adultos com a essência da arte.

Além do Guairinha, a companhia vai ocupar, ainda, o Teatro José Maria Santos e o Espaço Fantástico das Artes. Aliás, vale dizer, que Renato Perré e seu filho, Candiê Marques são duas personas ímpares do teatro paranaense. Sempre abertos a parcerias, mantém um relacionamento incrível com todos – leia-se Mauro Zanata, Adriano Esturilho, Rafael Barreiros, Judy Fiorezi, Carolina Maia, Cia dos Palhaços, entre outros. Essa postura trouxe diversos prêmios, como Gralha Azul, edital Oraci Gemba e prêmio Funarte de dramaturgia.

Para assistir às apresentações de aniversário, basta retirar as senhas até 30 minutos antes nos locais das apresentações. Confira o calendário, e claro, coloque criança na plateia.

40 anos Cia Filhos da Lua – Mostra de Espetáculos e Exposição

Programação Infantil – Local: Guairinha

“A Menina e o Lampião” – Data: 17 e 18 de agosto às 16h

“O Cavalo Branco de Muriah” – Data: 24 e 25 de agosto às 16h

Programação para Adultos ­- Local: Teatro Zé Maria Santos

“Teatro, Que História É Essa?” – Data: 31 de agosto às 19h e 01 de setembro às 20h

Sinopse: Uma homenagem à arte do teatro, mergulhando em sua história rica, complexa e popular, utilizando bonecos, figura humana, máscaras e música ao vivo. Por meio dos personagens Aristides e Brunholo a dramaturgia cria um paradoxo entre a fantasia e o rigor do cotidiano, formando um elo entre a arte e o dinamismo da sociedade contemporânea. Essa ambigüidade faz com que os personagens desenvolvam uma síntese lúdica, poética e histórica do teatro, abordando seus períodos mais significativos: Grécia antiga (tragédia e comédia); teatro medieval; Commédia Dell’Arte; Shakespeare; Bertold Brecht; teatro do absurdo; e teatro brasileiro com homenagem ao dramaturgo, ator e diretor paranaense Laerte Ortega.

 

“Tempo, Tragicomédia Inacabada” – Data: 07 de setembro às 19h e 08 de setembro às 20h

Sinopse: O espetáculo aborda o tema misterioso e polêmico do Tempo, trazendo à tona reflexões que cruzam elementos filosóficos, sociais, científicos e poéticos.  A dramaturgia utiliza elementos do teatro épico contando a aventura de autoconhecimento e de rebelião social do personagem H contra o Grande General e os soldados do Tempo. A montagem mistura elementos do teatro de figura humana, teatro de animação com bonecos, imagens digitais e música.

 

Programação Infantil – Local: Espaço Fantástico das Artes

 “Aniversário de Palhaço o que é?” – Data: 14 e 15 de setembro às 16h

Sinopse: O espetáculo apresenta a divertida família de palhaços Azucrinada durante a organização da festa de aniversário do palhaço (caçula) Churumela. Muitas peripécias sobre o crescimento de um menino acontecem no dia deste incrível aniversário comemorado no Grande Circo da Lona Furada.

 

“Terezinha – História de Amor e Perigo” – Data: 21 de setembro às 16h

Sinopse: Contemplado com o Troféu Gralha Azul de melhor texto para crianças, o espetáculo recria a cantiga “Terezinha de Jesus”. Nessa montagem a companhia utiliza a técnica do teatro de objetos, onde Terezinha é uma colher de pau, o pai é um saca-rolha, a mãe uma panela de pipoca e o primo, Jony Boy, é uma caixa de fósforos disfarçada de príncipe medieval. Dando vida a esses personagens, o ator e diretor Renato Perré brinca, dança e interage com a plateia, oferecendo um espetáculo que proporciona o resgate de momentos e imagens da infância e do mundo afetivo.

 

“O Gato e Dona Chica” – Data: 22 de setembro às 16h

Sinopse: Integrante da série de espetáculo inspirados em “Histórias de Cantigas”, nessa divertida narrativa o Gato, um tocador de violão que mora nos telhados da cidade, acaba ficando preso na casa da Dona Chica Chiquíssima, que, apaixonada, não quer deixar o bichano ir embora. A estória também conta com outros personagens incríveis como: o Peixeiro, a Lua, as Crianças da Rua, um médico veterinário pra lá de maluco e o público que participa ativamente cantando as Cantigas de Roda clássicas da cultura popular brasileira. A montagem utiliza as técnicas de luva e vareta e trilha sonora inspirada nas cantigas e canções populares do Brasil.

 

Compartilhar: